Express Ambulâncias

27/09/2021

Evite os 5 alimentos vilões da saúde

Evite os 5 alimentos vilões da saúde

A melhor dieta vem de alimentos naturais. Enlatados e processados devem ser evitados.

Enlatados e processados devem ser evitados. Nossa alimentação pode e deve ser mais saudável. Quanto mais cedo começarmos os hábitos alimentares mais saudáveis, maiores chances de nossos filhos terem uma saúde mais forte.

Ter uma alimentação saudável significa ter qualidade nos alimentos e equilíbrio nas porções, ricas em vegetais, grãos integrais e carnes magras. Grande aliada na vida de qualquer pessoa, a alimentação quando saudável traz inúmeros benefícios: equilíbrio das taxas hormonais, peso dentro dos padrões normais, autoestima, equilíbrio emocional, maior motivação e bem-estar.

Para que isso aconteça é necessário que seja diminuído o contato com substâncias químicas, tais como conservantes e acidulantes, enlatados, processados e embutidos.

Apesar de muitas pessoas se preocuparem com a alimentação saudável, a baixa renda, o desemprego e a correria do dia a dia são algumas barreiras.

Alimentação saudável para todos

Muitas pessoas pensam que é impossível ter uma alimentação saudável com poucos recursos. Entretanto, o que é mais importante é conhecer a composição dos alimentos e suas funcionalidades.

Alimentos simples como abóbora, chuchu, cenoura e inhame por exemplo, possui elementos antioxidantes, que além de prevenir o envelhecimento também fazem uma limpeza perfeita no aparelho digestivo.

O feijão com arroz é a dupla dinâmica presente no cotidiano dos brasileiros rica em aminoácidos essenciais – estima-se que uma porção de feijão com arroz tenha de proteína o equivale a uma porção de carne. Essa mistura poderosa traz inúmeros benefícios como auxilio no emagrecimento, controle da diabetes e formação de músculos mais fortes e maiores.

Se você ainda tem alguma dúvida, invista nos vegetais: estudos comprovam que pessoas que aderiram a uma alimentação baseada em vegetais têm risco 16% menor de desenvolver doenças cardíacas. Essas dietas incluem mais fibras ​​e nutrientes como potássio, vitamina, antioxidantes, o que faz limitar a ingestão de gordura saturada e carboidratos refinados.

Uma dieta equilibrada deve conter vegetais, grãos integrais e carnes magras.


Cinco Vilões da alimentação saudável

Conheça a lista dos alimentos vilões da saúde e que passam despercebido na dieta do dia a dia.

Pão integral e barra de cereais

Inofensivos, né? Imagine, todo mundo os consome nas academias e na pressa do dia a dia pensando ser a escolha mais saudável. No entanto, esses alimentos são elaborados com açúcares, gorduras, adoçantes, corantes, aromatizantes, sal entre outros elementos prejudiciais à saúde e para perda de peso.

Iogurtes

O consumo de iogurte deve ser feito com atenção às informações nutricionais. Isso porque apesar de aparentemente saudáveis, alguns iogurtes possuem alto teor de açúcares e gorduras, além de corantes e conservantes. Na dúvida, consuma apenas os iogurtes naturais, sem açúcar (os verdadeiros iogurtes) que você pode consumir sem erro.

Peito de Peru

O peito de peru é vendido como um alimento de baixa caloria e ideal para dietas de baixo teor de gorduras. O fato é que ele é um embutido com alto teor de sódio, conservantes e corantes.

Suco de caixinha

Por detrás da praticidade de um suco de caixinha está a grande armadilha: a alta concentração de açúcar, corantes e conservantes. Se quer uma vida realmente saudável, opte por ingerir a fruta ou fazer o suco desta – sempre lembrando que a consumir a fruta é sempre mais nutritivo do que o suco.

Sal

Há milênios o sal é usado para dar sabor aos alimentos, mas seu consumo em excesso é uma preocupação de 30 anos para cá. Estudos comprovam que a alta ingesta de sal proporciona problemas cardiovasculares, hipertensão arterial, acidente vascular cerebral, cálculos renais, obesidade e problemas associados. O sal deve ser usado em pouquíssima quantidade apenas para ressaltar o sabor dos alimentos. Você pode temperar com ervas frescas, cominho em pó, pimenta do reino entre outros condimentos naturais em grãos ou in natura.

e agora… o mais importante…

10 maneiras de você ter uma alimentação saudável

  1. Evite o fumo e o consumo de bebidas alcóolicas em excesso – quando você consome esses produtos você deturpa seu paladar e perde a oportunidade de experimentar o melhor dos alimentos;
  2. Beba água – cerca de 40 minutos antes das refeições procure beber água- nosso corpo funciona como um filtro que precisa ser lavado regularmente e é isso que acontece quando você bebe água. Comece devagar com um copo de 100ml e vá aumentando a quantidade até chegar em 500ml. O ideal é ingerir cerca de 3l d´água por dia.
  3. Coma com os olhos – os japoneses tem o costume de fazer seus pratos coloridos e muito bem ornamentados. Eles consideram que a comida esteticamente apresentada alimenta melhor. Por isso, considere arrumar seu prato de maneira harmoniosa.
  4. Faça as refeições com calma – ao fazer suas refeições procure um lugar calmo e silencioso, longe da distração da TV e dos aparelhos eletrônicos. Coma devagar, com atenção a cada garfada e ao sabor dos alimentos;
  5. Não coma tudo de uma vez – saboreie a refeição aos poucos sentindo as texturas e os sabores dos alimentos. E coma até ficar saciado e nunca além disso, para evitar transtornos alimentares.
  6. Consumo consciente – procure comprar apenas os alimentos que você preparará, procure não comprar por impulso produtos que são reconhecidamente nocivos à saúde. Na dúvida, opte por frutas, vegetais, cereais e verduras para uma refeição completa e nutritiva.
  7. Evite o consumo de refrigerantes – os refrigerantes tem muito açúcar, acidulantes, corantes, sódio e conservantes. A água gasosa pode provocar a dilatação do estômago, além de úlceras e inflamações.  
  8. Consuma adoçantes com moderação – apesar de serem considerados substitutos do açúcar, os adoçantes foram criados com a promessa de zero calorias e poder de adoçar, mas estudos já mostram que o consumo excessivo de adoçantes e produtos adoçados leva ao ganho de peso e dificuldade da perda de gordura, estímulo por alimentos doces, alteração da sensação de saciedade e mudanças na microbiota intestinal.   
  9. Margarina ou Manteiga? – A margarina é obtida pela hidrogenação de óleos vegetais, que possuem gorduras insaturadas, a uma temperatura bastante elevada, que transforma a gordura original em parcialmente saturada e trans (hidrogenadas). Já a manteiga é um produto derivado do leite, obtido a partir do batimento do creme de leite. manteigas e margarinas contêm quantidades próximas de calorias e gorduras, portanto, seu consumo deve ser moderado.
  10. Frequente as feiras livres locais e os mercados municipais – os melhores alimentos, ricos em nutrientes e naturalmente mais saudáveis você encontra nas feiras livres e mercados municipais. Esses lugares recebem produtos frescos de produtores locais e podem representar tanto o bem estar em preparar uma refeição nutritiva quanto uma grande economia no final do mês.

Não caia na conversa fiada das alimentações “empacotadas”. Tenha uma vida repleta de movimentação, aliás movimento é vida, e uma alimentação que seja de fato harmoniosa e contribua para que seu corpo tenha o melhor funcionamento.

Tags: